Primeiro lar residencial da Cercibeja para deficientes

cercibeja.jpg

A residência da Cercibeja, com capacidade para acolher 18 jovens e adultos portadores de deficiência, foi inaugurada ontem durante as comemorações dos 30 anos da instituição.

A construção da residência “Vidas Coloridas”, orçada em 500 mil euros, foi financiada em 80 por cento com verbas do Estado, tendo os restantes 20 por cento sido assegurados com verbas próprias da CerciBeja.

O lar residencial é a quarta valência da Cercibeja, com 156 utentes e 49 funcionários espalhados por um centro de actividades ocupacionais, uma unidade educativa e outra de formação profissional.