Empresários podem desistir de projectos turísticos no Alqueva

azinheiras.jpgA construção de uma refinaria de petróleo em Badajoz, Espanha, fará parar investimentos de vários empresários, diz o empresário José Roquette.

Os empresários dos grandes investimentos turísticos projectados para o Alqueva, que representam um investimento de 1330 milhões e a criação de 2500 postos de trabalho directos e mais de seis mil indirectos, asseguram que caso avance a refinaria de petróleo vão parar.

 

Segundo o empresário José Roquette, na apresentação da Refinaria em Portugal, há dois dias em Reguengos de Monsaraz, afirmou que “se houver uma refinaria na localização prevista, não há projectos turísticos no Alqueva”.

 

O Grupo Gallardo, promotor da Refinaria Balboa, afirmam que é possível a existência dos dois projectos.

Publicidade