Beja quer videovigilância nas zonas comerciais

videovigilancia.jpgO novo presidente da Associação Comercial do Distrito de Beja, Francisco Carriço, defendeu esta segunda-feira a instalação de um sistema de videovigilância nas principais zonas comerciais do Baixo Alentejo.

Em declarações à agência Lusa, Francisco Carriço elegeu como uma das prioridades a “promoção da segurança” nas zonas comercias do distrito.

Além da zona baixa de Beja, conhecida como Portas de Mértola, Francisco Carriço defende ainda a instalação da videovigilância nas principais áreas comerciais das cidades de Moura e Serpa, assim como na zona balnear de Vila Nova de Milfontes, concelho de Odemira.

Publicidade