Agricultores alentejanos denunciam preços altos nos bens essenciais

bovinos.jpgA Associação de Agricultores do Baixo Alentejo pede, em comunicado, a intervenção da Autoridade da Concorrência no mercado dos cereais.

Em declarações à Antena 1, o presidente da Direcção da Associação dos Agricultores do Baixo Alentejo, Francisco Palma, afirmou que “toda a industria aproveitou a alta dos preços dos cereais para aumentar os preços ao consumidor e neste momento o que se verifica é que esses cereais estão a metade do valor no máximo que já atingiram em março de 2008”.

 

A associação avisa o Governo para a formação dos preços dos bens essenciais, que não acompanham a queda do preço dos cereais.

Publicidade