Allentejo

  • RSS
  • Facebook

mertola.jpgO Alentejo é um dos 21 destinos mundiais considerados de visita obrigatória em 2014 pela revista de viagens da National Geographic, na publicação de Novembro.

Do norte da Austrália, a Apúlia, passando pelos parques do Ruanda e da Índia, ou por Cabo Verde, a nossa Região é destacada entre os eleitos pelo “ritmo lento que é parte da atracção” e onde se aconselha “relaxar, praticar a paciência e não olhar para o relógio”.

Características que levaram a conceituada publicação americana a integrar o Alentejo na lista de ouro da Traveler que, anualmente, aconselha destinos que apenas “reflectem o que é autêntico, culturalmente rico, sustentável e superlativo no actual mundo das viagens”.

Entre as muitas atracções do Alentejo, o revista refere a Rota Vicentina; o Ecorkhotel, em Évora; o Museu do Sabão, em Belver, a Rota Tons de Mármore; o grande Lago Alqueva e a Reserva Dark Sky; a Tasca do Celso, em Vila Nova de Milfontes; o Mundo Montado e a Imani Country House.

Para a , ERT, o facto da Região figurar na lista de ouro dos 21 destinos de visita obrigatória em 2014 é um orgulho revelador de que o Alentejo tem sabido estruturar os seus produtos turísticos de forma inovadora, respeitando valores diferenciadores como a autenticidade e a identidade.

Recorde-se que no mês de Outubro, o Alentejo foi premiado, pelo quarto ano consecutivo, com o título Melhor Região de Turismo Nacional na gala dos Publituris Portugal Travel Awards 2013, e o filme promocional “Alentejo, tempo para ser feliz” – lançado pela Entidade Regional de Turismo, em Fevereiro – conquistou o Golfinho de Prata da categoria “Filmes de Turismo”, do Cannes Corporate Media & TV Awards.

Publicidade


*

Apresentação | Publicidade | Estatuto editorial | Contatos